Investidores da Tesla pedem ao juiz que ordene a Musk pagar US$ 13 bilhões pelo acordo com a SolarCity

Investidores da Tesla pedem ao juiz que ordene a Musk pagar US$ 13 bilhões pelo acordo com a SolarCity

Os acionistas da Tesla Inc pediram a um juiz nesta terça-feira que encontrasse Elon Musk coagido o conselho da empresa a um acordo de 2016 para a SolarCity e pediram que o executivo-chefe fosse condenado a pagar à empresa de veículos elétricos um dos maiores julgamentos de todos os tempos de US$ 13 bilhões.

“Este caso sempre foi sobre se a aquisição da SolarCity foi um resgate de problemas financeiros, um resgate, orquestrado por Elon Musk”, disse Randy Baron, advogado dos acionistas, à audiência do Zoom.

Os argumentos finais contaram as principais conclusões de um julgamento de 10 dias em julho, quando Musk passou dois dias no tribunal defendendo o acordo.

A ação judicial dos fundos de pensão da União e dos gestores de ativos alega que Musk armou fortemente o conselho da Tesla para aprovar o acordo para a SolarCity, na qual Musk era o principal acionista.

Musk rebateu que o acordo era parte de um plano mestre de décadas para criar uma empresa verticalmente integrada que transformaria a geração e o consumo de energia com os painéis de teto da SolarCity e os carros e baterias da Tesla.

Evan Chesler, um dos advogados que representam Musk, disse na audiência que o acordo não era um resgate e a SolarCity estava longe de ser insolvente e suas finanças se assemelhavam a muitas empresas de tecnologia de alto crescimento.

“Eles estavam construindo bilhões de dólares de valor de longo prazo”, disse Chesler sobre a SolarCity.

O negócio de ações foi avaliado em US$ 2,6 bilhões em 2016, mas desde então as ações da Tesla subiram.

O advogado dos acionistas Lee Rudy pediu ao vice-chanceler Joseph Slights, do Tribunal de Chancelaria de Delaware, que ordenasse a Musk devolver as ações da Tesla que recebeu, que valeriam cerca de US$ 13 bilhões pelo preço atual.

Musk disse em documentos judiciais que tal prêmio seria pelo menos cinco vezes o maior prêmio de todos os tempos em um processo de acionistas comparável e chamou de “golpe de sorte” para os queixosos.

Rudy disse que Slights deveria considerar o desprezo de Musk pelo processo de depoimento e julgamento, no qual ele repetidamente entrou em conflito com e insultou advogados de acionistas.

“Seria um ganho para Elon Musk se ele tivesse que manter as ações que ele nunca deveria ter conseguido em primeiro lugar”, disse Rudy.

Chesler chamou o pedido para ordenar que Musk devolvesse as ações do negócio “absurdas” e disse que ignorou cinco anos de sucesso sem precedentes na Tesla.

As ações da Tesla caíram 1% em torno de US$ 1.040 no comércio da tarde.

A Tesla adquiriu a SolarCity enquanto a fabricante de veículos elétricos se aproximava do lançamento de seu Model 3, um sedã de mercado em massa que era fundamental para sua estratégia.

Os acionistas alegam que o acordo foi uma distração desnecessária e sobrecarregou a Tesla com os problemas financeiros e dívidas da SolarCity.

Os acionistas afirmam que, apesar de possuir apenas 22% da Tesla, Musk era um acionista controlador devido aos seus laços com os membros do conselho e estilo dominador.

Se os queixosos puderem provar isso, aumenta a probabilidade de o tribunal concluir que o acordo foi injusto com os acionistas.

Os advogados de Musk disseram que o empresário celebridade não tinha poder para demitir diretores ou controlar seus salários e ele se recusou a negociar preços sobre o acordo com a SolarCity.

“Sem Elon Musk, tesla pode não existir e muito menos ter um valor de US$ 1 trilhão”, disse Vanessa Lavely, advogada de Musk. “Isso não faz dele um controlador. Isso faz dele um CEO altamente eficaz.”

Slights terminou a audiência dizendo que espera governar em cerca de três meses.

Ele disse na semana passada que pretende se aposentar nos próximos meses e um processo relacionado aos acionistas contestando o pacote de pagamento recorde de Musk foi transferido de Slights para outro juiz.

Invista com a Lyon

Lyon é uma empresa de assessoria de investimentos credenciada ao Safra Invest.

Conheça os produtos exclusivos oferecidos pela Lyon, Clique Aqui.

capitaltimes

Equipe Redação - Notícias e informações do mercado financeiro no Brasil e no Mundo - contato@capitaltimes.com.br

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.